::.. CARNAVAL 1996 - G.R.C.S.E.S. ACADÊMICOS DO TUCURUVI................................
FICHA TÉCNICA
Data:  não consta
Ordem de entrada:  não consta
Enredo:  Água Viva
Carnavalesco:  Pedro Luis Pinotti
Grupo:  1
Classificação:  4º
Pontuação Total:  277,5
Nº de Componentes:  não consta
Nº de Alegorias :  ,
Nº de Alas :  não consta
Presidente:  Hussein Abdo El Selan - "Seu Jamil"
Diretor de Carnaval:  não consta
Diretoria de Harmonia:  não consta
Mestre de Bateria:  não consta
Intérprete:  não consta
Coreógrafo da Comissão de Frente:  não consta
Rainha de Bateria:  não consta
Mestre-Sala:  não consta
Porta-bandeira:  não consta
SAMBA-DE-ENREDO
VERSÃO ESTÚDIO

ACADÊMICOS DO TUCURUVI

COMPOSITORES: LIRA BRASA/ TONINHO 21/ CHINA DO ATELIER/ NENÊ

 

VIAJANDO...

VIAJANDO NA MINHA ILUSÃO

FAÇO UM MUNDO COLORIDO

TUDO É FRUTO DA IMAGINAÇÃO

O SOL IRRADIANDO ENERGIA

TROUXE MAIS VIDA E MINHA ALMA ILUMINOU

CAI A CHUVA EM AQUARELA

DE TRAÇO A TRAÇO MEU CASTELO É MULTICOR

VAI MINHA GAIVOTA VOA

FAZ A CURVA NORTE SUL

TUDO É BRILHO E FANTASIA

NO HAWAI, PEQUIM E ISTAMBUL

 

É ÁGUA VIVA, É PURO ENCANTO

SOU ZONA NORTE PAVILHÃO AZUL E BRANCO

 

VOU NAVEGANDO ENTRE CÉU E MAR

EM UM LINDO BARCO A VELA

A FELICIDADE ALCANÇAR

SURGE DAS NUVENS UM LINDO AVIÃO

COM SUAS CORES ROSA E GRENÁ

COM UM SHOW DE ESTRELAS

QUE NÃO PARAM DE PISCAR

E O FUTURO É UMA ASTRONAVE

QUE TENTAMOS PILOTAR

E NESTA PASSARELA DE ALEGRIA

MERGULHEI NESSA MAGIA

QUE UM DIA O TEMPO DESCOLORIRÁ

 

PINTANDO, AQUARELANDO

E COLORINDO O ANHEMBI

SOU CRIANÇA ESPERANÇA

HOJE EU SOU TUCURUVI.

 

SINOPSE DO ENREDO
O Grêmio Recreativo
Autor:

 

INTRODUÇÃO

É uma interpretação livre da música de Toquinho denominada Aquarela, e transformada em visual para Carnaval. Escolhemos o nome Água Viva, em virtude da aquarela precisar da água para tornar suas cores vivas, de colorido e vida.

ENREDO

Hoje acordei com a alma povoada de sonhos de criança.

Dessa criança que não cansa de ter esperança, na eterna viagem ao mundo colorido da sua imaginação.

Porque sonhar é preciso...

Sonhar um sonho colorido como a tela de um pintor em aquarela, que traço a traço no compasso da cor, traça seu destino menino, numa imensa folha branca e pura como sua alma. Alma iluminada pelos raios de luz de um sol amarelo, que fará nascer em rápidas pinceladas um castelo de sonhos construído a luz de sua imaginação.

É água viva traçando nosso destino.

São caminhos palmilhados entre curvas e retas, subidas e descidas e que futuramente serão tão conhecidos como a palma de nossa mão e nos cairá como uma luva. Que permanecerá firme e forte em nossos ideais de criança, que a felicidade é um fruto permanente, ou talvez até, uma árvore de dourados pomos.

É esse ideal misto de cavaleiro real com príncipe encantado, que nos faz sentir fortes e poderosos, líricos e sonhadores.

Nada nos impede acreditar no amanhã, tamanha é a certeza que nos invade e nos protege.

Um mundo de felicidade nos espera.

Nada de tristezas. Nada!

Se formos pego de surpresa por uma chuva, com dois traços faremos um guarda-chuva. E nossa alma de criança continuará alçando seu vôo, como uma linda gaivota a voar no céu, livre e solta, percorrendo o mundo de nossa existência.

Ontem Havaí, hoje Pequim, amanhã Istambul.

Vivendo intensamente um mundo de felicidade. E para que melhor possamos navegar nessa verdadeira ilha de fantasias de nossos sonhos, pintamos no quadro de nossas vidas um barco a vela branco, que segue navegando seu destino, livre e solto, despretensioso e belo.

Envolvidos estamos tanto pela magia do céu e do mar, que de repente nos sentimos passageiros de um sereno e lindo avião rosa e grená, indo com suas luzes a piscar, enfeitando o céu num verdadeiro festival de estrelas.

E se a gente quiser ele vai pousar.

Mas nossa vida não é apenas uma aquarela de sonhos coloridos e belos. É sim, uma aquarela de realidades, coloridas mas cruas, onde o simples compasso de nossa vida num preciso giro, faz um mundo, que de uma América a outra passamos num segundo.

O carrossel da realidade da vida está presente, girando de uma América a outra. E de repente, não mais que de repente, ele pára.

O menino sonhador e esperançoso, livre e solto como um passarinho, não mais dá asas à sua imaginação, caminha apenas. E caminhando chega num muro.

O muro da verdade da vida. Duro e real, tenaz e insofismável. E ali logo em frente a esperar pela gente, o futuro está.

Mas o que será no futuro?

O futuro será uma astronave com todos os requintes de sofisticação e modernidade. Veloz e iluminada, que a todo custo tentaremos pilotar, na tentativa de levá-la à pouco, em um campo da vida, que nos dê um destino feliz e promissor.

Mas o tempo, não tem piedade nem tem hora de chegar.

Sem pedir licença, muda nossa vida de sonhos de criança, para uma adulta realidade. Nos impõe trabalhar como atores no teatro da vida, com papéis que às vezes nos faz rir e outras nos faz chorar. E é nesse dilema que caminhamos por uma estrada que não nos cabe conhecer ou ver o que virá. Só nos resta continuar lutando e vivendo, por que o fim dela ninguém sabe bem ao certo onde vai dar. Por que no jogo da vida é perder ou ganhar.

Mas, de ilusão também se vive.

Vamos todos numa linda passarela de uma aquarela que um dia enfim descolorirá.

O sol não será mais amarelo, mas guardará a energia para mover céus e terras, carregados de experiência.

O guarda-chuva não terá mais o brilho de suas cores e pelo seu teto passarão gotas de chuva que levaram nossa alma das incertezas do mau tempo.

Enfim, o próprio mundo perderá suas cores, mas não parará. Porque o tempo não pára e não envelhece.

Ele gera experiência.

 

FANTASIAS


No h contedo para este opo.



MAIS INFORMAÇÕES SOBRE G.R.C.S.E.S. ACADÊMICOS DO TUCURUVI
HISTÓRIA | CARNAVAIS | HINO | CURIOSIDADES

 


:: SASP - SOCIEDADE DOS AMANTES DO SAMBA PAULISTA ::
WWW.CARNAVALPAULISTANO.COM.BR
SASP - UMA ENTIDADE COM DIFERENCIAL !!

Copyright ©2000-2016 | Todos os Direitos Reservados