::.. CARNAVAL 1999 - A.C.S.E.S. MOCIDADE CAMISA VERDE E BRANCO................................
FICHA TÉCNICA
Data:  13/02/1999
Ordem de entrada:  3
Enredo:  Escancarando Corações Verde e Branco, Elymar Mais Popular
Carnavalesco:  Tito Arantes
Grupo:  Especial
Classificação:  8º
Pontuação Total:  284,5
Nº de Componentes:  não consta
Nº de Alegorias :  ,
Nº de Alas :  não consta
Presidente:  Magali dos Santos
Diretor de Carnaval:  não consta
Diretoria de Harmonia:  não consta
Mestre de Bateria:  Mestre Neno
Intérprete:  Juscelino
Coreógrafo da Comissão de Frente:  não consta
Rainha de Bateria:  não consta
Mestre-Sala:  Gabi
Porta-bandeira:  Vivi
SAMBA-DE-ENREDO
VERSÃO ESTÚDIO

CAMISA VERDE E BRANCO

COMPOSITORES: ADALBERTO/ ALEMÃO/ BRAGA

 

É DE ENLOUQUECER A GALERA

CANTA BARRA FUNDA A NOITE É BELA

É DE ENLOUQUECER A GALERA

A ESTRELA VAI BRILHAR NA PASSARELA

 

Deus Apolo

Toca sua lira para o morro encantar

A luz toca um menino

Com dom divino que nasceu para cantar

Escancarando corações

Vem Elymar o cantor das emoções

E De um ato de amor

É carioca, libriano, sedutor

A Rádio Nacional

Praia de Ramos umA CURTIÇÃO LEGAL

Infância na simplicidade

Faço carreto madame pela cidade

Como na Imperatriz

Em verde e branco bate um coração feliz

 

Ô ô, bolinha

Na grande chance um show

Alô Terezinha!

Palmas pra ele na Buzina do Chacrinha

 

Um cigano, uma paixão, Ô Ô Ô

Rubro negro, tricolor (amor, amor)

Com, fé e devoção

ENCANTOU o Canecão

E fez teatro

A nostalgia Cantou

Quase, devolvi

Que queres tu de mim?

É carnaval vem amor e gruda em mim.

 

SINOPSE DO ENREDO
O Grêmio Recreativo
Autor: Tito Arantes

 

Apolo (deus da luz, da poesia, música e dos oráculos) tocando sua lira no morro do alemão (Rio de Janeiro), anuncia o nascimento de ELYMAR, uma vida, um canto eterno de beleza, em 11 de outubro sob o signo de libra. Infância pobre de morro, seus melhores e inspiradores passeios, programas da rádio nacional onde ouvia os melhores e grandes nomes da MPB, ou na praia de ramos. Sua melhor brincadeira no pé do morro, era cantar seu ídolo Cauby, e uma negrinha esperta que imitava "Emilinha". Carregava sacolas nas feiras "precisa de carregador madame?". Nessa época nascia em ramos a "Imperatriz Leopoldinense" e ele já participava da quadra da escola que era no fundo do seu barraco.

O primeiro emprego foi em uma "Loja de brinquedos", foi também Office-boy e pesquisador do ibope. Já adolescente incentivado pelos amigos e pela mãe começou a soltar sua bela voz, arriscando-se nos melhores programas reveladores de talento; Terezinha uh! uh!, o programa mais popular buzina do Chacrinha, bolinha..... bolinha; clube do bolinha; Silvio Santos vem aí...... programa de calouros, também a grande chance de Flávio Cavalcante; venceu todos esse cavaleiro de aruanda. Cantava em todos os clubes noturnos e churrascaria no rio, seguindo o estilo vitorioso de Jaquia Jorge (a vedete de Madureira) como ele diz: - Cantar em churrascaria é muito mais difícil, pois tem que disputar o espaço com a vaca....

É flamenguista no rio e são paulino em São Paulo, vence em tudo o que faz, pois vendeu tudo o que tinha, e em 12/11/1985 alugou o canecão, bastou uma noite para o sucesso, este cigano (que alguns conseguem ver e sentir) tem como protetores São Sebastião (Oxossi) e Sta. Bárbara (Yansã) acredita que: A verdadeira mágica é acreditar em si mesmo, se isso acontecer esta realizando o sonho!!

Primeiro disco: Boiadeiro de Aruanda.

Primeiro grande sucesso: Escancarando de vez (disco de ouro).

Em 1986, sucesso como ator, representou Che Guevara na opera rock Evita. Ao lado de Cláudia e grande elenco de atores, ganhou todos os prêmios de critica. Internacionalmente se lançou em Portugal e em homenagem a esse país gravou poemas de Flor Bela Espanca. Elymar é diferente, é romântico, é erótico, passional e transgressor, sangue quente nas veias.

Seus maiores sucessos são: Cachaça, Mau de amor, Amor ateu, Gruda em mim, Subindo pelas paredes; Resgata a MPB mostrando a "cara" da música popular e as grandes damas da canção tais como: Núbia Lafayete (devolvi), Ângela Maria (lábios de mel), Carmem Costa (quase), Alcione (minha culpa, tua culpa), Nana Caymmi (Afrodite), Beth Carvalho (amor e devoção), sua voz e testada em preciosidades tais como: risque, ciúme, que queres tu de mim, a vida é mesmo assim, sonhar contigo, tudo acabado, fica comigo esta noite, cidadão, maluco beleza, hino ao amor e tantos outros sucessos.

Está sempre pronto para a filantropia tal como o "Retiro dos artistas", "Sociedade viva Cazuza", "Hospital universitário do fundão", "Hospital Emilio Ribas". É por isso que "Guerreiros não morrem jamais" (Ayrton Senna).

Elymar é comparado a Cauby Peixoto pela performance de palco ou a Anísio Silva, por cantar o amor, mas sua voz é de quem teve que driblar todo o tipo de adversidade, seu jogo de cintura é de quem aprendeu com a vida sem iludir o povo, se estiver em Nova Iguaçu ou em Pirituba, não dizer que esteve em New York. Isso vem provar que a maior recompensa do homem não é o que ele ganha com isso, e sim o que ele se torna com isso, portanto esta aí, Elymar do morro, Elymar calouro, Elymar do canecão, Elymar do amor, Elymar das paixões, Elymar que escancara corações. Soltem suas canções, escancarem seus corações grudem na Verde e Branco - A mais querida, um amor não proibido e que é seu!

 

FANTASIAS


No h contedo para este opo.



MAIS INFORMAÇÕES SOBRE A.C.S.E.S. MOCIDADE CAMISA VERDE E BRANCO
HISTÓRIA | CARNAVAIS | HINO | CURIOSIDADES

 


:: SASP - SOCIEDADE DOS AMANTES DO SAMBA PAULISTA ::
WWW.CARNAVALPAULISTANO.COM.BR
SASP - UMA ENTIDADE COM DIFERENCIAL !!

Copyright ©2000-2016 | Todos os Direitos Reservados